terça-feira, 8 de abril de 2008

Vai um salgadinho? ou As irmãs do Apito

Foto : Patologista


Esta imagem já tem três anos. Foi tirada em Abril de 2005, em casa de Pinto da Costa.
Nessa altura Carolina tinha na sua irmã a sua melhor amiga (basta ver este abraço fraterno).
Quanto a Pinto da Costa era "o amor da sua vida! Um grande homem!", que defendia com unhas e dentes.
No que diz respeito a Pinto da Costa, lá ía comandando o F. C. Porto a ganhar campeonatos.
Passados três anos, Carolina e Ana Maria, são inimigas terriveis, chamam-se nomes nos jornais "ela é que é mentirosa!", diz uma " Não, ela é que mente!, Tem problemas psiquicos", diz a outra.
Pinto da Costa passou a ser para Carolina um homem terrivel e perigoso. Denunciou em livro e à Judiciária todo o tipo de crimes de corrupção que este terá cometido. Até confessou ter sido ela a contratar dois homens para espancar um vereador de Gondomar (o M.P. arquivou o caso por falta de provas, o que me faz pensar que mais provas serão necessárias do que a confissão do criminoso).
O livro de Carolina virou filme rasca com sucesso de bilheteira assegurado.
Ana Maria foi a tribunal desdizer a irmã Carolina, e segundo os jornais terá visto a sua conta bancária crescer após este testemunho...
Quanto a Pinto da Costa, continua a comandar o F. C. Porto a ganhar campeonatos.
Entretanto casou com a ex-mulher, Filomena, que durante o tempo de divorciada dava entrevistas à Caras, lado a lado com a filha, a dizer que tinha medo de sair à rua por ser Pinto da Costa um homem perigoso... Vá-se lá entender.
Confusos? Não percebeu o enredo? Pois, é mais turtuoso que uma novela mexicana, não?

5 comentários:

Rui Pedro Lima disse...

perdi-me a menos de meio...

Tygogal disse...

See Please Here

ana disse...

Pobres vidas!

maria_arvore disse...

:)))

Independentemente dos apelidos com que os registaram, todos os personagens desta história têm em comum o apelido Money (make's the world go around)...

Sara M. disse...

a vida (mediática, neste caso) dá tanta volta!

só falta voltarem um para o outro e dizerem-se mto felizes! já não duvidava...